terça-feira, 26 de maio de 2009

COMO FAZER UM PLANO DESENVOLVIMENTO INDIVIDUAL PDI- CAUSA

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INDIVIDUAL – PDI - Parte 1

CAUSA
INTRODUÇÃO
O Plano de Desenvolvimento Individual é um instrumento que visa propiciar condições para uma reflexão sobre sua vida profissional e pessoal.
Um Plano de Desenvolvimento Individual deverá ser amplo, flexível e estratégico. Deve também facilitar uma autocrítica sobre pontos fortes, pontos fracos, possibilidades e limites.

Este plano será constituído por cinco exercícios:
1. Causas
2. Auto-avaliação
3. Estabelecimento de objetivos
4. Plano de ação para ao alcance dos objetivos
5. Análise do campo de forças

Estes exercícios referem-se a aspectos fundamentais e pessoais, interesses, aspirações. Além deles, você poderá acrescentar outros dados que julgar relevantes. Ao final, espera-se que você tenha em mãos um Plano para nortear suas ações presentes e futuras quanto ao seu Desenvolvimento / Carreira.

A elaboração do Plano se dará em três tempos:
Primeiro: Tempo de Análise: momento de reavaliar suas competências e atitudes (trabalho individual);
Segundo: Tempo de Planejamento: momento de identificar ações capazes de diminuir a distância entre seu perfil atual e o perfil desejado (trabalho individual);
Terceiro: Tempo de Conclusão: momento de estabelecer alianças e enriquecer o Plano com outras pessoas e começar a pô-lo em ação (trabalho em grupo).

Observemos que na implementação do seu Plano, você poderá não chegar exatamente onde inicialmente planejou, mas com certeza terá produzido efeitos significativos na sua vida.

1.CAUSA
Por CAUSA queremos nos referir aqui ao que leva uma pessoa a escolher sua profissão e a sustentar essa posição.

A CAUSA é aquilo capaz de colocar um sujeito a trabalhar: é aquilo que mobiliza sua energia, sua criatividade e ação no enfrentamento de dificuldades na busca de seus objetivos.

Buscar a sua CAUSA é um exercício de criatividade que pode proporcionar uma descoberta muito significativa para sua vida pessoal e profissional. Este é o começo lógico do desenvolvimento pessoal permanente.
pegue uma folha de papel e procure expressar qual é a sua CAUSA, aquilo que mais o impulsiona em termos profissionais.

Na próximo texto deste tema vamos fazer um exercício de auto-avaliação. então não deixe de ler.

Um comentário: